Fórum Inativo!

Atualmente Lodoss se encontra inativo. Saiba mais clicando aqui.










Vagas Ocupadas / Vagas Totais
-- / 25

Fórum Inativo!

Saiba Mais
Quadro de Avisos

>Dizem as más línguas que o anão Rookar, que fica no Porto Rangestaca, está procurando por mercenários corajosos - ou loucos - que estejam afim de sujar as mãos com trabalhos "irregulares". Paga-se bem.

> Há rumores sobre movimentações estranhas próximas aos Rochedos Tempestuosos. Alguns dizem que lá fica a Gruta dos Ladrões, lar de uma ordem secreta. Palavra de goblin!

> Se quer dinheiro rápido, precisa ser rápido também! O Corcel Expresso está contratando aventureiros corajosos para fazer entregas perigosas. Por conta da demanda, os pagamentos aumentaram!

> Honra e glória! Abre-se a nova temporada da Arena de Calm! Guerreiros e bravos de toda a ilha reúnem-se para este evento acirrado. Façam suas apostas ou tente sua sorte em um dos eventos mais intensos de toda ilha!




Quer continuar ouvindo as trilhas enquanto navega pelo fórum? Clique no botão acima!

Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Página 2 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ir em baixo

Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por ADM GabZ em Sab Fev 22, 2014 12:44 pm

Relembrando a primeira mensagem :


Não faz muito tempo que a Vila Batestaca foi fundada. Na verdade, goblins uniram-se à beira do Lago Forsaken a pouco mais de um ano e assim a ergueram em poucos meses. As formações rochosas foram bem aproveitadas, garantindo moradias "especiais" que demonstram facilmente a personalidade incomum dos goblins. A vila tem se tornado bem movimentada principalmente ao redor das torres de pedra, no chão, onde são montadas lojas de todos os tipos. Digamos que na Vila Batestaca é possível conseguir os mais variados serviços dos goblins, podendo ser tarefas simples como pintar casas, consertar carroças e montar móveis até as mais avançadas como construir veículos, montar máquinas a vapor e quem sabe criar uma bugiganga de metal. Sendo grandes comerciantes, os goblins se gabam de suas posses mas principalmente de seu dinheiro.

É possível encontrar trabalho facilmente na vila. Por serem pequenos e não muito fortes, os goblins preferem pagar mercenários e aventureiros para conseguir seus materiais e produtos. O chefe é o incomum Charles Ferrofrio, um goblin velho que já percorreu o mundo e tem um leque enorme de experiências. Ligeiramente cego, Charles possui os olhos esbranquiçados e pele pálida, mas ainda assim é inteligente o suficiente para liderar. Costuma usar trajes de couro e jamais deixa suas adagas para trás — companheiras de suas aventuras pelo mundo. São duas peças raríssimas que muitos dizem terem sido forjadas pelos elfos, algo duvidoso uma vez que esta raça repudia a simples existência dos goblins.


Na Vila Batestaca existe o famoso Bar Goblin Alegre, mas que ironicamente é projetado para várias raças poderem entrar e apreciar a visita. O bar é espaçoso, construído na margem oposta do Lago Forsaken. Possui mesas e cadeiras de diferentes alturas e tamanhos para agradar a todos os seus visitantes, e as bebidas vêm em quantidades gigantescas. Todos os dias o bar recebe clientes das mais variadas raças: orcs, humanos, anões, tritões e até mesmo centauros conseguem ter conforto. Quanto ao estoque, certamente não há com o que se preocupar: atrás do bar existe um enorme galpão com galões e barris enormes, sem contar o subsolo que é recheado com milhares de garrafas das mais variadas bebidas. Os preços são tão variados quanto os tipos de bebidas. Não é surpresa que o bar seja administrado por Ben Ferrofrio, filho do chefe da vila. Ao menos o goblin juvenil faz um excelente trabalho, recebendo visitantes de toda a ilha e assim sendo o jovem mais rico da vila.


Última edição por ADM GabZ em Sab Jul 15, 2017 7:12 pm, editado 1 vez(es)

_________________
avatar
ADM GabZ

Pontos de Medalhas : 999
Mensagens : 1089
Localização : Extrema - MG

Ficha Secundária
Título:
Lvl: 1
Raça: Humano

Ver perfil do usuário http://www.flickr.com/photos/gabzero

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por Lyza Simons em Sex Abr 10, 2015 9:03 am


Ajudando uma desconhecida

Era dificil saber quais as reais intenções daquela mulher mascarada. Não poder ver seu rosto e suas expressões faciais dificultava muito na hora de tentar decifrar sua personalidade. Mas Lyza não deixou escapar um pequeno detalhe. A viajante usava uma mascara com uma única abertura para o olho, o que significava que seu outro olho ficava inutilizado, pelo menos enquanto ela usava aquela mascara em sua face. Se ela era cega do outro olho ou não, isso já era um assunto que ela perguntaria depois, isso se perguntasse. Apesar de sua curiosidade estar gritando para que Lyza perguntasse sobre a mascara, a maga sabia que isso seria muita falta de educação de sua parte. Fora que a mulher já estava se virando e indo embora, enquanto a ruiva pensava no que faria. Sem mais, Lyza acelerou o passo e rapidamente acelerou sua viagem até Ruff, o tempo era curto e ela não poderia mais desperdiça-lo ali naquela estrada. A cada dia que passava, as chances de conseguir o segundo fragmento eram ainda menores, e Lyza não podia se dar ao luxo de perde-la para o inimigo.

_________________


Força: D Energia: B Agilidade: D Destreza: D Vigor: E
M.O: 1500
avatar
Lyza Simons

Pontos de Medalhas : 80
Mensagens : 228
Idade : 29
Localização : Rio de janeiro, RJ

Ficha Secundária
Título:
Lvl: 6
Raça: Humano

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por Goldsilver Ironsteel em Sex Abr 10, 2015 3:47 pm

Conta errada - Ignorem.

_________________
Nome do Personagem: Aldarion Ironshield, O Juggernaut.

Peças de Ouro: 10

Link da Ficha: Aldarion Ironshield, O Juggernaut
Habilidades especiais

Força: A
Energia: F
Agilidade: D
Destreza: D
Vigor: C

Equipamentos: Lista de Equipamentos

*Avatar feito por cortesia de Frist, valeu mano. o/*
avatar
Goldsilver Ironsteel

Mensagens : 387
Localização : Perdido no Espaço

Ficha Secundária
Título: O Juggernaut
Lvl: 7
Raça: Humano

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por NR Nayruni em Sex Abr 10, 2015 3:49 pm

@ Todos

O encontro entre Lyza e Analia estava finalmente findado, as duas seguiriam seu próprio destino separadas, cada uma trilhando seu próprio caminho. Pelo menos era isso o que elas achavam, no mesmo momento que Lyza e Analia deram seus primeiros avanços ambas escutaram uma voz rouca e grossa gritando.

ALI ESTÁ ELA! PEGUEM ELA! — Quando Lyza olhou rapidamente viu um grupo de 10 orcs surgindo de um bosque próximo, todos eles correndo em direção a ela.

VEJAM! ELA TEM UMA ALIADA! MATEM ELA! — Gritou um outro orc apontando um machado para Analia.

VOU AVISAR A MESTRA QUE A MULHER ESTÁ FUGINDO E AGORA TEM UMA ALIADA! — Falou um goblin que acompanhava os orcs, este goblin estava montado em um lobo e rapidamente tratou de correr em direção a vila Bateestaca.

Lyza percebeu que se simplesmente continuasse a fugir daqueles orcs, ela assim o conseguiria, pois ela estava a montada em um dragonete. O problema era a Analia, ela estava a pé e seria uma vítima para os orcs. Lyza poderia não ter salvo a vila do ataque daqueles draconianos, mas com certeza poderia salvar aquela viajante inocente dos orcs brutais. Quanto ao pequeno goblin, Lyza até poderia alcançá-lo, mas se fizesse isso ela teria que deixar Analia sozinha.

Qualquer que fosse a decisão da moça, 10 orcs avançavam e logo as alcançariam com seus machados, lanças e espadas serrilhadas.

_________________
Aproveito este espaço para deixar meus préstimos ao meu colega de equipe GM Zato por ter lido toda a história escrita na ficha do Bluesday!!!

Parabéns fera! Você é mitológico!
avatar
NR Nayruni
Narrador

Pontos de Medalhas : 0
Mensagens : 431
Localização : Lodoss RPG

Ficha Secundária
Título:
Lvl: 1
Raça:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por Lyza Simons em Sex Maio 01, 2015 1:41 am


Ajudando uma desconhecida II

Era hora de cada uma seguir seu caminho, já havia feito minha boa ação do dia, mesmo que esta não compensasse tanto a dor que sentia por ter que deixar os goblins naquela situação. Mas as coisas estavam piores até do que a própria maga poderia imaginar. Não eram apenas os homens lagartos que estavam atrás de Lyza, parecia que metade da corja maligna de Lodoss estava querendo matar a maga. – Ah droga... – E ela já estava prestes a correr para o mais longe possível, quando escutou o pequeno escandaloso falar algo sobre uma aliada. “Não! Ela é inocente!” Mas quem acreditaria? São orcs! Lyza ponderou por alguns segundos, e então decidiu que a melhor saída seria ajudar a mulher a sair dali. Ela então estendeu sua mão e chamou Analia para montar em Trovão. – Venha, se ficar eles vão matar você. Não temos muito tempo. – Os inimigos se aproximavam, e eram muitos, 10 orcs fortemente armados e famigerados, contra uma maga parcialmente desarmada e uma mulher desconhecida. Quando a mulher subisse na montaria, partiria dali o mais rápido possível, seu destino era Hilydrus, e logo em seguida Ruff. Precisaria parar na cidade antes para conseguir mais suprimentos, e talvez uma foice nova. Aproveitaria e deixaria a mulher na capital, assim ela ficaria em segurança. – Sinto muito por coloca-la nessa situação. Não era minha intenção. – Apesar de não ser sua culpa estar sendo perseguida, muito menos os orcs terem a encontrado, Lyza se desculpou pelo ocorrido. Afinal, era o mínimo que podia fazer para tentar quebrar um pouco o gelo da viagem.

_________________


Força: D Energia: B Agilidade: D Destreza: D Vigor: E
M.O: 1500
avatar
Lyza Simons

Pontos de Medalhas : 80
Mensagens : 228
Idade : 29
Localização : Rio de janeiro, RJ

Ficha Secundária
Título:
Lvl: 6
Raça: Humano

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por Blackflash em Sex Maio 01, 2015 4:18 pm


A ideia de ter uma invasão daquele porte ocorrendo bem na minha frente era no mínimo excitante, mas também um perigo sem tamanho. Talvez se eu fosse um pouco mais jovem e imatura como era antes, teria me arriscado e entrado naquela cidade sem nem pensar duas vezes. Mas agora? Eu tinha plena consciência que eu não era capaz de salvar aqueles goblins sozinha. Mas algo me dizia que eu não estava livre totalmente do perigo daquela invasão, e essa sensação se confirmou quando um grupo de orcs surgiu as bordas da floresta clamando pela cabeça da mulher cavaleira de dragões. Se fosse somente ela, eu poderia simplesmente deixa-los passar e ir em frente, mas era óbvio que ficando ao lado daquela mulher eu acabaria sendo confundida com uma aliada. A mulher já estava pronta para partir em disparada, e sinceramente, se ela o fizesse, não me importaria, pois eu tinha meus meios de fugir da situação. Mas ao contrario do que a maioria teria feito, ela ficou e resolveu me ajudar mais uma vez, me estendendo a mão para que fugisse com ela em sua montaria. Por um momento eu hesitei, talvez por medo ou receio do que ela ou o dragão poderiam fazer, mas quando vi que os orcs nos alcançariam, eu peguei sua mão e subi, e assim fomos embora o mais rápido possível. - Não sinta. Não é culpa sua. Não fosse pela sua presença na estrada, eu teria ido direto para o olho do tempestade. - E agora, restava saber para onde ela me levaria. O que também não era importante, mesmo que ela me deixasse em qualquer cidade, já seria um grande lucro, pois não teria todo o trabalho de ter que ir andando até lá. - Para onde está nos levando?



_________________
| Analia Lethril | H.E |

Força: E Energia: F Agilidade: D Destreza: D Vigor: E  
avatar
Blackflash

Pontos de Medalhas : 0
Mensagens : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por NR Nayruni em Sab Maio 02, 2015 1:53 pm

@ Todos

Superadas pelos números dos inimigos, a dupla recém formada de aventureiras decidiu que seria melhor fugir. As pressas Analia montou na garupa da montaria de Lyza e ambas fugiram a toda velocidade deixando orcs furiosos para trás. As duas galoparam por horas a fio não parando nem mesmo para encher os espaços vazios em suas barrigas, apenas o extremo cansaço que se abateu sobre Trovão ao cair da noite as fez parar para descansar, comer e se conhecer um pouco.

Analia poderia não saber, mas Lyza sabia muito bem, aqueles inimigos com certeza estavam no encalço dela foi então que enquanto estava sentada olhando para o fogo da fogueira, a Dama dos Corações percebeu que tinha duas opções, seguir pela estrada onde a viagem seria mais rápida mas as chances dela ser encontrada por seus perseguidores eram maiores ou pegar um desvio através de um pequeno pântano que havia por ali, o famoso Pântano das Chagas. O Pântano era pequeno e atravessá-lo levaria aproximadamente 3 dias, porém o lugar era conhecido como uma poça cheia de doenças e pequenos animais venenosos, seguir pelo pântano era muito perigoso mas com certeza ela conseguiria cobrir seu rastro totalmente pois em um lugar como esse até o cheiro seria disfarçado pelo ambiente.

Informações: Conversem enquanto acampam e tomem suas decisões. E mais importante, Lyza você sabe que MESMO se você larga a Analia na estrada ou em uma cidade, seus inimigos vão atrás dela também porque ela foi identificada como sua aliada. =D

O que um pequeno goblin batedor não faz?

_________________
Aproveito este espaço para deixar meus préstimos ao meu colega de equipe GM Zato por ter lido toda a história escrita na ficha do Bluesday!!!

Parabéns fera! Você é mitológico!
avatar
NR Nayruni
Narrador

Pontos de Medalhas : 0
Mensagens : 431
Localização : Lodoss RPG

Ficha Secundária
Título:
Lvl: 1
Raça:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por Lyza Simons em Seg Maio 11, 2015 10:06 am

A mulher aceitou a ajuda de bom grado, e rapidamente a dupla despistou os orcs seguindo a toda velocidade pela estrada. Pararam apenas quando Lyza percebeu que Trovão já estava ficando muito cansado, e também quando viu que a noite já estava caindo sobre elas. Lyza saiu da estrada e foi em direção a um local mais reservado próximo, onde poderiam acampar e descansar aquela noite, passado algum tempo, quando ela teve certeza que ninguém mais a estava seguindo, a ruiva pode relaxar mais um pouco e começou a raciocinar com mais clareza. – Não lembro se já se apresentou, mas de qualquer forma. Desculpe novamente, não queria coloca-la nessa situação, creio que corre perigo agora.

_________________


Força: D Energia: B Agilidade: D Destreza: D Vigor: E
M.O: 1500
avatar
Lyza Simons

Pontos de Medalhas : 80
Mensagens : 228
Idade : 29
Localização : Rio de janeiro, RJ

Ficha Secundária
Título:
Lvl: 6
Raça: Humano

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por Blackflash em Seg Maio 11, 2015 10:44 am


Confesso que fugir montada naquele dragão era algo bem mais legal do que simplesmente teleportar para longe. For a que eu não havia deixado nenhuma marca em lugar mais distante, o que havia sido um erro meu. “Da próxima vou me lembrar disso, deixar uma marca na ultima estalagem, ou no meio da estrada numa rocha.” Mas ao menos a sorte havia sorrido para mim aquela vez, e a mulher cavaleira de dragões havia aparecido para me avisar do perigo que corria ao caminhar por aquela estrada.

Corremos uma grande distancia montadas até que a noite finalmente deu seus primeiros sinais no horizonte. O céu alaranjado indicava que era hora de parar, for a que a montaria da mulher já estava começando a demonstrar sinais de cansaço com a viagem mais puxada que fazíamos. Lyza nos levou até um lugar mais distante da Estrada, apenas para ter certeza que nenhum viajante ou até mesmo algum dos inimigos vindo pela estrada nos encontraria enquanto estávamos paradas, e após algum tempo, ela decidiu quebrar o silencio e começar um dialogo. – Não sou muito boa com apresentações, principalmente para estranhos. Mas devo reconhecer que me ajudou mais do que eu esperava… - Sentei-me num canto qualquer, recostada sobre uma rocha ou arvore que estivesse próxima. – Me chamo Anália, sou uma elfa da Floresta Endless. E ja disse, não precisa de desculpar, não foi sua culpa.



_________________
| Analia Lethril | H.E |

Força: E Energia: F Agilidade: D Destreza: D Vigor: E  
avatar
Blackflash

Pontos de Medalhas : 0
Mensagens : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por Lyza Simons em Seg Maio 11, 2015 11:15 am

– É um prazer... Estou preocupada com aquele goblin. Eles são seres inteligentes, certamente entregou você ao líder daquela invasão. Eles agora devem estar pensando que você é uma aliada, ou coisa parecida. – Anália parecia não ter percebido ainda o nível de perigo que ela estava correndo ainda. Então Lyza resolveu explicar melhor as coisas, e o porque de ela estar se desculpando tanto. – Eles provavelmente vão passar a caçar você também, a partir de agora... – Era apenas uma suposição, mas uma suposição com fortes fundos de verdade.

_________________


Força: D Energia: B Agilidade: D Destreza: D Vigor: E
M.O: 1500
avatar
Lyza Simons

Pontos de Medalhas : 80
Mensagens : 228
Idade : 29
Localização : Rio de janeiro, RJ

Ficha Secundária
Título:
Lvl: 6
Raça: Humano

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por Blackflash em Seg Maio 11, 2015 12:10 pm


As palavras dela não pareciam fazer muito sentido pra mim, até que ela mencionou as palavras “caçar” e “você” na mesma frase. – Acha que eles vão me perseguir agora? – Realmente já havia ouvido falar sobre os goblins algumas vezes depois que saíra de Daer’Ven, mas não imaginava que eles podiam ser tão problemáticos assim. Eu poderia simplesmente ignorar aquele aviso, e continuar minha vida como antes, voltar para cidade e ficar por lá algum tempo. Mas ser abordada por algum orc ou qualquer que fosse o inimigo em plena uma de minhas viagens seria um problema terrível. – Bem, já que estou enfiada nisso até o pescoço, poderia ao menos saber do que se trata? Por que estão nos perseguindo? – Esperava ao menos um voto de confiança dela nesse momento, agora que eu já havia confiado suficiente nela ao ponto de estarmos juntas nisso.



_________________
| Analia Lethril | H.E |

Força: E Energia: F Agilidade: D Destreza: D Vigor: E  
avatar
Blackflash

Pontos de Medalhas : 0
Mensagens : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por Lyza Simons em Seg Maio 11, 2015 12:50 pm

Apesar de ela estar certa em um ponto, Lyza não achou uma boa ideia contar a ela toda a verdade. Então ela omitiria as partes mais importantes da historia, como a parte sobre os cavaleiros da morte, e o fragmento de Dargu. Lyza então respirou fundo, e enquanto preparava uma fogueira, ela começou a contar o resumo da historia. – Há algum tempo, fui incumbida de proteger um fragmento de um artefato. Forças malignas querem este artefato e por conta disso eles me perseguem. Estou numa jornada agora para encontrar estes fragmentos e por isso estou sendo perseguida. De alguma forma, eles conseguem sempre saber onde estou, ainda não sei como, mas mesmo assim não desistirei. – Falou a maga com determinação, enquanto terminava de acender a fogueira. Lyza tirou de sua mochila as rações de viagem que tinha, e ofereceu um pouco a Anália. Pegou também seu mapa, e começou a analisar o trajeto que fariam até Hilydrus. – Para chegarmos a Hilydrus é só seguir a estrada, ou caso queira pegar um atalho, podemos passar por um pântano venenoso e asqueroso mais a frente. O que me diz? – Não que eu gostasse da ideia de passar por um pântano daqueles, ele era conhecido por ter muitos animais venenosos, e arriscar sua vida com animais venenosos e doenças incuráveis era a ultima coisa que a maga queria naquele momento.

_________________


Força: D Energia: B Agilidade: D Destreza: D Vigor: E
M.O: 1500
avatar
Lyza Simons

Pontos de Medalhas : 80
Mensagens : 228
Idade : 29
Localização : Rio de janeiro, RJ

Ficha Secundária
Título:
Lvl: 6
Raça: Humano

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por Blackflash em Seg Maio 11, 2015 1:03 pm


- Passar por um pântano venenoso e asqueroso não me parece a melhor das opções. Vamos pela Estrada. – Acredito que ela estava me perguntando mais por mera formalidade, mas respondi assim mesmo. Sobre a parte de chegarmos até Hilydrus, não pude deixar de ficar curiosa se o próximo pedaço do tal artefato estaria por lá também. – Obrigada. – Peguei a porção de alimento que ela me ofereceu e comi, estava com fome desde mais cedo por causa da caminhada, então um pouco de comida era sempre bem vinda. Restava uma única duvida para ser respondida antes de fecharmos aquela noite. Quem ficaria de vigia? – Acamparemos aqui mesmo? Podemos alternar os horários, eu fico uma metade e você a outra.



_________________
| Analia Lethril | H.E |

Força: E Energia: F Agilidade: D Destreza: D Vigor: E  
avatar
Blackflash

Pontos de Medalhas : 0
Mensagens : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por Lyza Simons em Seg Maio 11, 2015 1:15 pm

– Acho uma ótima ideia. Se importa se eu ficar primeiro? Não me sinto nem um pouco cansada agora. – E dito isto, Lyza se aproximou um pouco mais da fogueira, enquanto ficava de olho nos arredores, principalmente na estrada. – Pode usar meu saco de dormir se preferir, não vou usa-lo agora mesmo. – E antes dela responder, a ruiva jogou o saco de dormir, que estava dobrado e enrolado dentro da bolsa, para a elfa.

_________________


Força: D Energia: B Agilidade: D Destreza: D Vigor: E
M.O: 1500
avatar
Lyza Simons

Pontos de Medalhas : 80
Mensagens : 228
Idade : 29
Localização : Rio de janeiro, RJ

Ficha Secundária
Título:
Lvl: 6
Raça: Humano

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por Blackflash em Seg Maio 11, 2015 4:38 pm


- Fique a vontade, estou muito cansada. Caminhei a manhã e a tarde toda nessa estrada. – Era melhor deixar as perguntas para mais tarde, afinal, nossa noite seria curta, não queria deixa-la mais curta ainda. Quando acordasse pensaria mais sobre o assunto, se fosse o caso, talvez eu mudasse de ideia quanto a ficar parada por semanas, talvez meses em Hilydrus, esperando que os inimigos esquecessem da minha existência.



_________________
| Analia Lethril | H.E |

Força: E Energia: F Agilidade: D Destreza: D Vigor: E  
avatar
Blackflash

Pontos de Medalhas : 0
Mensagens : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por NR Nayruni em Seg Maio 18, 2015 10:25 am

@ Todos

A dupla de aventureiras decidiu seguir pela estrada, não queriam se arriscar pelo perigoso pântano. Depois de uma curta noite de sono, o trio logo se colocou de pé antes mesmo do despontar dos primeiros raios de sol no firmamento. Trovão era uma montaria forte e poderosa, facilmente conseguia carregar a dupla de amazonas em seu dorso. A dupla seguia em direção a Hilydrus sem maiores dificuldades. O Sol finalmente se ergueu no horizonte e caminhou sua trajetória majestosa pelo firmamento até despontar com seu olho dourado no centro do céu, era meio dia. Os estômagos das duas mulheres roncavam novamente, mas elas não eram mulheres normais, eram viajantes e a fome não iria ser um incômodo tão grande quanto o seria para uma pessoa acostumada a ter a barriga cheia de comida todos os dias. Aventureiros costumam comer pouco e as vezes até ficam sem comer, eis a razão de tal justificativa.

Porém havia um problema, apesar de estar amadurecendo, Lyza não era uma aventureira de carreira, não estava acostumada com situações envolvendo perseguições, orcs e meio dragões. Já sua nova e misteriosa companheira também, a elfa estava acostumada a viver na floresta, não tinha familiaridade com planícies, estradas e pântanos. Se ambas fossem mais sábias e experientes teriam escolhido o pântano sem dúvida nenhuma, pois no final das contas mesmo que seja um lugar perigoso, o que se esconde no pântano certamente é muito menos ameaçador do que um gigante da colina!

Exatamente, um gigante da colina, a dupla se surpreendeu quando viu se erguer de trás de um grupo de árvores próximo da estrada uma figura enorme, ele tinha por volta de cinco metros de altura, carregava uma enorme clava do tamanho de uma árvore e em suas costas havia um goblin sentado em uma cadeira presa na nuca do gigante por correiras de couro.

- LÁ ESTAR ELAS GRUMBOR! HAHAHAHA EU SABER QUE ELAS USAR ESTRADA! EU SER ESPERTO E ESPERAR AQUI! - Gritou o pequenino esverdeado apontando seu dedo torto para as duas mulheres.

- ESMAGAR ELAS AGORA! GRANDE CHEFE DAR GRANDE PREMIO POR ELAS! - Gritou novamente o goblin ordenando seu grande amigo a atacar.


Assustada, a primeira reação de Lyza foi virar sua montaria e fugir, mas assim que o fez uma enorme pedra do tamanho de uma melancia voou da mão do gigante acertando Trovão em cheio na cabeça o que o fez capotar arremessando Lyza e a Elfa longe.

As duas mulheres e rolaram pelo chão com escoriações leves, quando se levantaram perceberam que Trovão estava na beira da estrada desacordado com a pedrada que lhe havia acertado a cabeça.

O gigante agora corria a toda velocidade em direção as aventureiras, o chão tremendo violentamente com cada pisada da enorme criatura. Estava mais que óbvio que se ele acertasse um golpe se quer isso resultaria na morte imediata dada a força descomunal da criatura.

Informações: Vocês duas levaram 5% de hp de dano por causa das escoriações do capote. Leves escoriações e arranhões nada demais.

Uma pena vocês terem escolhido a estrada que era justamente o caminho mais perigoso. Levem isso em consideração no futuro, suas personagens estão amadurecendo e aprendendo que nem sempre o que parece ser o melhor e mais fácil é de fato.

Trovão está desacordado só pra avisar, e provavelmente qualquer hit do gigante vai matar vocês em uma única pancada. Boa sorte.

MUAHAHAHAHAHA!

_________________
Aproveito este espaço para deixar meus préstimos ao meu colega de equipe GM Zato por ter lido toda a história escrita na ficha do Bluesday!!!

Parabéns fera! Você é mitológico!
avatar
NR Nayruni
Narrador

Pontos de Medalhas : 0
Mensagens : 431
Localização : Lodoss RPG

Ficha Secundária
Título:
Lvl: 1
Raça:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por Blackflash em Ter Maio 19, 2015 12:22 pm


Talvez ir pela estrada fosse uma ótima ideia. Talvez não. Quando Lyza dissera que estava sendo perseguida por um grupo de inimigos, ela apenas esqueceu de mencionar que este grupo de inimigos englobava mais da metade da população da ilha. O ataque foi inesperado e surpreendente, tanto que por pouco escapamos de uma enorme rocha que nos atingiu. A montaria da cavaleira agora estava desacordada e o monstro enorme vinha famigerado para cima de nós. – Você tem uns amigos bem legais... Distraia ele, vou tentar chegar no goblin lá em cima. – Brinquei enquanto me recuperava do choque inicial. Era hora de alguma ação, já estava pedindo por isso há algum tempo, mesmo que o perigo fosse imenso, eu não deixaria passar a oportunidade de acabar com uma criatura daquelas. Antes de sair em disparada, joguei uma de minhas adagas atrás de mim, uns 2 metros seria suficiente, para o caso de emergências.


A ideia era passar pela lateral, um movimento em arco bem rápido visando chegar às costas dele. A criatura ficava numa cesta presa a nuca do infeliz, e era o responsável por lhe dar as “ordens”. Então concluí que se eu matasse o pequeno, o grandão ficaria desnorteado. Quando chegasse na posição que precisava, iria jogar uma de minhas adagas na direção do goblin. Se isso não atingisse, era torcer para que a adaga se prendesse próxima dele, assim poderia teleportar para a minha marca na adaga e ataca-lo diretamente.



_________________
| Analia Lethril | H.E |

Força: E Energia: F Agilidade: D Destreza: D Vigor: E  
avatar
Blackflash

Pontos de Medalhas : 0
Mensagens : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por Lyza Simons em Qui Maio 21, 2015 10:50 am


O gigante da colina

Lyxa optou pelo caminho mais fácil, mas logo as duas viajantes se arrependeriam por essa escolha. Durante a viagem, saindo de trás de uma colina próxima, um enorme ser surgiu, um monstro com quase 5 metros, humanoide e com um pequeno goblin montando-o. As duas mal tiveram tempo de reagir, e o monstro atacou, arremessando uma enorme rocha em cima delas. Mas para sorte das duas aventureiras, apenas trovão havia sido atingido pelo choque, e as duas foram arremessadas longe sofrendo apenas alguns arranhões. – Quem dera eu tivesse um amigo como esse... – Lyza respondeu sarcástica à brincadeira, mas a elfa já começou a agir de forma bem rápida. Ela queria participar da luta, mesmo com a maga relutante se isso seria seguro, ela permitiu, uma vez que a elfa mal lhe deu chance de retrucar. Lyza então se recompôs e se preparou para a investida do monstro, a ideia era usar sua habilidade para tentar ao menos atrasa-lo e distrair sua atenção. A maga preparou uma de suas magias, a mais simples, e conjurou contra a criatura. Seus flocos de neve, seu carro chefe entre as magias de ataque, a ruiva conjurou 10 deles para e lançou direto contra a face do monstro. Pois assim, mesmo que o goblin percebesse a movimentação de Anália, o monstro ficaria ao menos com raiva por ter recebido um ataque direto no rosto, que provavelmente o machucaria bastante se atingisse. E assim isso impediria que ele atacasse diretamente a elfa. Se o plano funcionasse, o esperado era que o monstro viesse diretamente à maga, e assim que ele o fizesse, Lyza colocaria em pratica algo que estava em sua mente já há um bom tempo, e usaria sua própria maestria em gelo, para recriar sua tão querida arma. A maga desviaria do ataque inimigo, e durante seu movimento, ela conjuraria sua foice feita inteiramente em gelo, para lhe atacar na região das pernas.



[Vou usar a HE já upada para criar as 10 shurikens de gelo, -10% PEs. E depois, quando o ogro vier em direção a ela para atacar, vou usar a HE para criar a foice de gelo com resistência Rank B (energia), -15% PEs.]

_________________


Força: D Energia: B Agilidade: D Destreza: D Vigor: E
M.O: 1500
avatar
Lyza Simons

Pontos de Medalhas : 80
Mensagens : 228
Idade : 29
Localização : Rio de janeiro, RJ

Ficha Secundária
Título:
Lvl: 6
Raça: Humano

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por NR Nayruni em Ter Maio 26, 2015 10:38 pm

@ Todos

Enquanto Analia tomava posição para executar seu plano, Lyza se preparava para atacar. A maga estendeu os dois braços para frente e então os abriu e no movimento, um arco de ar congelado surgiu e se modificou até dar forma a 10 shurikens feitas de cristais de gelo. Os shurikens voaram em direção ao rosto do gigante que não esperava tal ataque. A criatura foi pega de surpresa com a dezena de picadas afiadas em sua face, um de seus olhos foi atingido mais de duas vezes e isso causou uma dor enorme dor. Imediatamente o monstro cessou seu ataque, largou a clava e gritado em fúria levou as mãos ao rosto. Essa era a oportunidade que Anália estava esperando, enquanto o gigante da colina estava cego, Analia passou por trás da criatura e arremessou com precisão uma adaga no goblin que gritava e xingava sua montaria. A adaga acertou a criaturinha em cheio e esta caiu morta rolando pelas costas do gigante.

Talvez fosse um bom plano, talvez não, mas havia dado certo. Determinada a dar um fim no monstro, Lyza materializou sua magia e avançou contra o gigante. A criatura estava com as mãos na face e a barriga exposta, um corte bem dado ali faria os intestinos saltarem para fora. Lyza correu, se aproximou, ergueu a foice e no momento que ia desferir seu corte certeiro, o gigante a viu com o olho bom e atacou chutando Lyza em cheio no exato momento em que a maga atacava. A foice de Lyza não conseguiu completar o golpe acertando no lugar da barriga a perna do gigante.

A maga voou longe cerca de uns 10 metros até cair no solo e rolar pelo chão. Analia observou tudo e viu o gigante tombar de quatro pois agora uma de suas pernas estava com uma foice atravessada na coxa. Sem o goblin para controlá-lo o gigante agora estava entregue a um estado de fúria e engatinhava em direção a Lyza que estava caída poucos metros a frente. A maga agonizava dominada pela dor, indefesa diante da ameaça, do gigante que vinha em sua direção gritando com a cara cheia de sangue, um dos olhos transformado em uma bolha de sangue.

Informações: Lyza tomou 40% de dano no total, você sente uma dor excruciante na caixa torácica, a dor é tanta que você está no chão agonizando atordoada. Você está tendo uma enorme dificuldade para respirar. Considere-se completamente atordoada por 3 rodadas!

Analia pode jogar. Lyza, pode gemer. HAHAHAHAHAHAHAHA

_________________
Aproveito este espaço para deixar meus préstimos ao meu colega de equipe GM Zato por ter lido toda a história escrita na ficha do Bluesday!!!

Parabéns fera! Você é mitológico!
avatar
NR Nayruni
Narrador

Pontos de Medalhas : 0
Mensagens : 431
Localização : Lodoss RPG

Ficha Secundária
Título:
Lvl: 1
Raça:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por Lyza Simons em Qui Maio 28, 2015 10:40 am

Lyza completou seu intento com ótimo aproveitamento. E o que deveria ser apenas uma distração para que a elfa atacasse o goblin, acabou se tornando uma ótima oportunidade para terminar de vez com o gigante. As farpas geladas de Lyza atingiram o rosto da criatura cegando-lhe de um dos olhos. O monstro ficou enfurecido e confuso com a dor e a súbita cegueira, abrindo espaço em sua investida para um ataque da maga. Sem perder tempo, Lyza correu em direção ao monstro, enquanto sua foice feita em gelo surgia nas mãos, mas o que ela não esperava, era que mesmo atordoado pela dor e sem o seu “dono” lhe dando as ordens, o monstro atacaria a maga.

O resultado fora quase desastroso, a maga prosseguiu com a corrida e assim que teve sua arma em mãos, atacou visando sua barriga, tentando eliminar o perigo de uma vez por todas. Mas assim que se aproximou, a ruiva não soube dizer se fora instinto da criatura, ou se ela realmente havia a visto. Mas o monstro chutou a maga para longe, fazendo com que seu ataque errasse parcialmente, atingindo a coxa do monstro e deixando-o incapacitado de ficar de pé.

A maga voou longe por uns bons dez metros, mas isso não foi tudo. Parecia que cada costela sua agora estava partida em pedaços, a dor era tão intensa, e a tontura fazia parecer que ela ainda estava voando e girando no ar. Lyza sentia que desmaiaria a qualquer momento sucumbindo à dor. Sua respiração era pesada, e ela mal podia mover seu corpo, talvez, no máximo, poderia mover suas pernas de forma a tentar se arrastar, mas se levantar estava fora de cogitação naquele momento desesperador.

O monstro continuou urrando de raiva, mas agora ele estava consciente novamente, ou ao menos ele não parecia estar mais confuso com a cegueira e a dor no rosto. Ele vinha em direção a Lyza para vingar-se por suas feridas, mesmo que se arrastando de quatro no chão por conta do ferimento na perna, o monstro conseguiria pegar a maga sem nenhum problema, já que ela estava completamente indefesa ferida jogada no gramado fora da estrada.

_________________


Força: D Energia: B Agilidade: D Destreza: D Vigor: E
M.O: 1500
avatar
Lyza Simons

Pontos de Medalhas : 80
Mensagens : 228
Idade : 29
Localização : Rio de janeiro, RJ

Ficha Secundária
Título:
Lvl: 6
Raça: Humano

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por Blackflash em Qui Maio 28, 2015 2:46 pm


Meu ataque contra o goblin dera bastante certo. Porem agora, além de desorientado e ferido, o gigante estava totalmente em fúria. Seria um problema tentar ataca-lo diretamente, mas ao que tudo indicava, seu alvo primaria era aquela que o havia ferido, não só uma, mas duas vezes. A cavaleira ruiva partiu para cima do gigante tentando atingi-lo com… Uma foice de gelo? Ela era realmente uma maga interessante. Contudo, sua tentativa fora frustrada por um belo chute que a mulher recebera no peito, que a lançou longe vários metros. Olhei de relance e vi toda a cena até que ela finalmente parou no chão. A principio parecia morta, mas então percebi que ainda se movia, mesmo que muito pouco, e respirava, então ainda estava viva.


- Hora de terminar com isso de uma vez… - Era hora de provar que eu não era mais a elfa imatura de antigamente. Salvar aquela mulher era minha prioridade no momento, mas isso seria impossível com aquele gigante nos seguindo. Eu não conseguiria carrega-la, tampouco sua montaria estava consciente. Então o único jeito seria derrota-lo. Mas para minha sorte, ele estava distraído demais em sua fúria insana para matar Lyza, que mal percebeu que eu ainda estava ali, bem atrás dele.


Aproveitando a brecha dada pela própria criatura, corri em disparada até suas costas. A intenção era subir nele enquanto ainda estava de quarto no chão, e assim que o fizesse, cravaria minha adaga em sua nuca. Se fosse preciso, bateria com a outra mão para afundar mais ainda a adaga em seu crânio e atingir sua coluna, e nesse caso, mesmo que ele não morresse de primeira, ficaria com seu corpo imobilizado.


_________________
| Analia Lethril | H.E |

Força: E Energia: F Agilidade: D Destreza: D Vigor: E  
avatar
Blackflash

Pontos de Medalhas : 0
Mensagens : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por NR Nayruni em Qua Jun 10, 2015 3:22 pm

@ Todos

A situação era crítica, Lyza continuava agonizando no chão enquanto o gigante se aproximava perigosamente engatinhando e grunhido furioso, seu único olho bom arregalado em fúria e o outro sangrando transformado em uma bolha de sangue. Analia precisava agir ou Lyza morreria ali mesmo. Com movimentos audazes, ela correu e escalou o gigante rapidamente, ou tentou, mesmo de quatro e engatinhando ele era difícil de subir porque se movia o tempo inteiro e não tinha nenhum apoio firme. Analia não teve alternativa além de colocar sua marca em uma das adagas e arremessá-la nas costas do gigante para então, poder se teleportar.

Uma vez em cima das costas do monstro, que mal dava atenção para Analia, a elfa estava livre para agir. Caminhando aos rebolados e com cuidado para não cair, ela conseguiu se aproximar da nuca do monstro e ali desferiu o mais poderoso golpe de adaga que jamais havia desferido em sua vida. A adaga entrou fundo no couro rígido do gigante e a criatura urrou de dor. Teria o ataque de Analia dado certo? Não!

Quando a elfa percebeu, não havia causado sérios danos, além do couro do gigante ser rígido por baixo havia uma grossa capa de gordura, seria preciso pelo menos uma espada curta para atravessar a pele e a gordura a ponto de atingir algum ponto vital. Sentindo a dor de uma nova picada, o gigante cessou seu avanço e levou a mão até as costas para se livrar de sua algoz, Analia conseguiu evitar ser agarrada pela mão mas no processo levou um tabefe que a arremessou longe. A elfa voou por alguns metros até ter cair de cabeça no chão e rolar se esfolando toda, a dor era enorme mas a elfa ainda conseguia agir. Lutando contra a dor, ela tentou se erguer e percebeu que sua perna estava deslocada.

Era o fim, Analia estava incapacitada, Trovão também e Lyza agonizava tomada pela dor. Era hora de alguém aparecer, uma figura conhecida, uma figura amiga.

Ouvindo os rugidos do monstro , Saphira, a caçadora noturna, acordou de sua toca que estava abaixo de uma árvore e dali saiu rastejando usando seu manto pesado para se proteger do Sol. Quando se levantou observou a cena, Lyza caída no chão agonizando e um gigante engatinhando furioso para atacá-la.

Informações: Lyza, 40% de dano total, 2 rodadas de atordoamento. Analia, 30% de dano, perna deslocada. Saphira entrou em cena e pode jogar livremente.

_________________
Aproveito este espaço para deixar meus préstimos ao meu colega de equipe GM Zato por ter lido toda a história escrita na ficha do Bluesday!!!

Parabéns fera! Você é mitológico!
avatar
NR Nayruni
Narrador

Pontos de Medalhas : 0
Mensagens : 431
Localização : Lodoss RPG

Ficha Secundária
Título:
Lvl: 1
Raça:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por Blackflash em Qui Jun 11, 2015 2:56 pm


Ataca-lo por trás enquanto ele estava distraído com a guerreira parecia uma ótima ideia, mas concretiza-la era a parte mais difícil do plano. Subir em suas costas havia se mostrado uma tarefa mais difícil do que imaginava, o que me obrigou a usar o teletransporte para alcançar meu objetivo. Mas chegando lá, uma nova complicação surgiu, algo que eu deveria ter imaginado, mas que no calor da batalha, havia escapado completamente à minha percepção.

Um monstro daquele tamanho, certamente teria a pele e músculos mais resistentes e um couro mais espesso que o comum, mas foi quando eu consegui cravar a adaga em sua pele que percebi o erro. A criatura não ficou paralisada como eu imaginava, pois a adaga era pequena demais para chegar à sua coluna. Mas o problema não foi só este, pois depois que eu o acertei com a adaga, ele finalmente pareceu acordar de sua fúria, e percebeu que eu estava por cima, e com um golpe de sua mão, me jogou longe, me fazendo rolar a metros de distancia.

Novamente a imprudência e falta de raciocínio me fizeram cometer erros bobos, mas desta vez o perigo era bem maior, não só para mim, mas também para uma outra pessoa. Eu ainda estava consciente, apesar das diversas escoriações, me mantive acordada após o golpe, mas quando tentei ficar de pé, e senti a terrível dor em minha perna esquerda, percebi que havia algo errado. Estava imóvel, mas doía como nunca antes, estava quebrada, e eu não poderia me levantar e lutar com aquele ferimento. Era o fim. Assim que ele matasse a guerreira, ele viria até mim, e sem chances de ficar de pé e escapar, eu só podia observar a cena enquanto nossa morte engatinhava a nossa frente.


_________________
| Analia Lethril | H.E |

Força: E Energia: F Agilidade: D Destreza: D Vigor: E  
avatar
Blackflash

Pontos de Medalhas : 0
Mensagens : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por Lyza Simons em Qui Jun 11, 2015 9:31 pm

Lyza não conseguia ver o que estava se passando. Ouviu mais grunhidos de raiva do monstro e em seguida um grito de uma mulher, que ela identificou como sendo da elfa mascarada. Provavel que ela tivesse tentado parar o monstro, mas falhara no processo. Lyza se arrependeu por te-la colocado em tal situação, e agora ela poderia estar gravemente ferida, ou até morta por conta disso. Mas a maga nada podia fazer em seu estado atual, apenas aguardar pela morte enquanto o monstro furioso vinha em sua direção. O mundo ainda girava ao seu redor, sua respiração cada vez mais pesada e a dor em seu tórax era tão grande que até as batidas de seu coração doíam. Mas mesmo em tal situação, a maga não praguejou, ou murmurou pela morte. – Ah, se tiver que ser assim, então será...

_________________


Força: D Energia: B Agilidade: D Destreza: D Vigor: E
M.O: 1500
avatar
Lyza Simons

Pontos de Medalhas : 80
Mensagens : 228
Idade : 29
Localização : Rio de janeiro, RJ

Ficha Secundária
Título:
Lvl: 6
Raça: Humano

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por Saphira em Qui Jun 11, 2015 10:43 pm

Era mais uma tarde monótona na minha vida, debaixo de todo aquele sol, chegava a ser algo estressante e cansativo. Então sem mais delongas eu parei num canto qualquer da estrada, fui para debaixo de uma sombra de arvore, e me deitei ali. Era meio da tarde, então fiquei num local mais afastado da estrada, para que ninguém pudesse me avistar de lá e me incomodar em meu descanso. Já haviam se passado vários dias desde que recebera a tarefa recuperar o item perdido e assassinar o ladrão. Muitas coisas haviam acontecido desde então. Éramos 3 assassinos, com uma tarefa que aparentemente seria complicada. Matar 3 cavaleiros, que segundo o contratante, eram perigosos. Mas no meio do caminho, coisas começaram a acontecer, como a tentativa de um deles de me eliminar para ficar com minha parte da recompensa. Mas felizmente, era tão incompetente que morreu antes mesmo de sequer me ferir.

Depois, recebemos a noticia, por meios ainda estranhos e bizarros, de que os cavaleiros haviam sido mortos, mas agora o item se encontrava em posse de outra pessoa, uma mulher de cabelos ruivos e pele branca, nome desconhecido, e que andava sozinha. Mas novamente interrompida, o segundo assassino tentava agora fazer aquilo que o primeiro não havia conseguido. Também sem sucesso, acabei por ter que matar ambos os meus “companheiros” de missão, e estava sozinha.

Estava agora nas terras próximas a Hirt, e a bussola apontava para a direção dos grandes ranchos de Hilydrus. Provavelmente a mulher deveria ser alguma guerreira, ou cavaleira. Mas isso não me impediria de continuar sozinha. Eramos um contra agora, e agora era capaz de garantir o sucesso da tarefa. Mas alguma coisa me dizia que aquele dia seria diferente dos demais. Algo parecia estar diferente aquela tarde, e tudo começou quando os gritos e grunhidos ecoaram pela planície. Uma revoada de pássaros ao longe se formou assim que o primeiro dos rugidos soou aos ventos. Eu abri os olhos novamente, olhei de relance para o lado de onde ele havia vindo, mas não queria acreditar que era algo perigoso, mas então escutei novamente.

Peguei então a ferramenta e olhei a direção que apontava, torcendo para que não fosse a mesma, mas infelizmente era. Eu teria que passar pelo rugido caso quisesse continuar. – Maldição... Dane-se, vou ver o que é, pode ser que eu consiga um pouco de sangue fresco nisso. – E fui olhar pra saber do que se tratava. Quando cheguei ao local, percebi que a coisa era bem mais séria do que imaginava, pois um gigante estava prestes a matar duas pessoas. Duas mulheres, uma delas de cabelos negros e usando uma mascara no rosto, e uma outra ruiva, usando uma espécie de semiarmadura no braço esquerdo. Aquela mulher me despertou algo, talvez fosse a ruiva que procurava, mas quando reparei bem, percebi que a conhecia. Sim, era ela mesma, a maga do gelo que havia lutado ao meu lado em Calm, aquela mesma maga que salvara centenas de vidas no norte. De cara descartei a ideia de ela ser a ladra do artefato, contudo ela ainda estava em perigo. Parecia ferida, e o monstro também, mas ele ainda continuava a tentar ataca-la.

- Será que sangue de gigante é igual sangue humano? É o que vou descobrir já... – Ativei a habilidade e corri em sua direção. A ideia era saltar, apoiar um dos pés em seu corpo e subir em suas costas. Se ele visse a manobra e tentasse me afastar, faria justamente o contrario. Desviando de seu golpe me abaixando e passando por baixo de seu braço gordo e lento. E em ambos os casos, seguiria em direção ao seu pescoço para morde-lo e sugar seu sangue.


[Ativando a habilidade contra o gigante.]

_________________

Força: D
Energia: F
Destreza: D
Agilidade: C
Vigor: D
L$: 0
avatar
Saphira

Mensagens : 131
Idade : 23
Localização : Rio de janeiro

Ficha Secundária
Título: Nenhum
Lvl: 2
Raça: Vampiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por NR Nayruni em Qua Jun 24, 2015 3:14 pm

@ Todos

Enquanto Lyza e Analia agonizavam em dor, Saphira agia, com reflexos rápidos ela correu em direção ao seu alvo sem se importar muito com o Sol, graças as agruras que passou no norte da ilha ela aprendeu a suportar o Enjoo Cadavérico. Com um show de agilidade e acrobacias ela escalou o gigante e correu até seu pescoço, ali encontrou uma adaga fincada e muito sangue saindo e logo de cara ao observar o ferimento percebeu que o couro do monstro era duro, rígido, resistente e ele ainda tinha uma capa de gordura bem grossa que protegia seus órgãos vitais. Mas aquilo não era problema pra ela, bastava morder e começar a sugar que ficaria tudo bem, mas então ela notou uma coisa, aquele monstro era um gigante, muito provavelmente ela demoraria muito tempo para drenar tudo, era preciso uma outra manobra.

Foi então que ela viu que na nuca do monstro, já havia uma adaga fincada, sangue jorrava da ferida que claramente exibia uma larga camada de gordura abaixo da pele dura. Aproveitando-se de sua agilidade a vampira se aproximou da adaga, a removeu e com mais força golpeou novamente o mesmo lugar se aproveitando do buraco já aberto inicialmente. O resultado foi um sucesso, o golpe atravessou a espinha do gigante e este caiu imóvel no chão, grunhido furiosamente, mas completamente imóvel para sempre. Com sua presa ainda viva e inofensiva, restava a vampira aproveitar o banquete. Sem nenhuma pressa ela fincou suas presas na nuca do gigante e começou a drenar. Era um sangue grosso, de sabor similar ao sabor do sangue humano, mesmo sendo um gigante Saphira poderia secá-lo se quisesse, e assim ela o fez levando cerca de 10 minutos para acabar o banquete. Quando terminou o gigante era nada mais nada menos que uma carcaça composta por carne úmida e sem sangue.

Enquanto isso Analia já havia conseguido colocar sua perna no lugar e Lyza agora conseguia caminhar novamente, Trovão também parecia estar acordando, tudo estava bem afinal apesar das dores e das feridas.

Informações: Lyza, 40% de dano total. Analia, 30% de dano, perna deslocada. Saphira você fez um verdadeiro banquete! Está cheia de sangue, HP e MP full, você está tão cheia de sangue que está até corada e com o corpo quente como se fosse uma elfa normal de verdade!

100 xp por atraso a todas mais 200 xp por derrotar o gigante.

_________________
Aproveito este espaço para deixar meus préstimos ao meu colega de equipe GM Zato por ter lido toda a história escrita na ficha do Bluesday!!!

Parabéns fera! Você é mitológico!
avatar
NR Nayruni
Narrador

Pontos de Medalhas : 0
Mensagens : 431
Localização : Lodoss RPG

Ficha Secundária
Título:
Lvl: 1
Raça:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vila Batestaca [+ Bar Goblin Alegre]

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum